O que é sustentabilidade?

mão segurando uma muda de planta demonstrando a sustentabilidade

Você sabe o que é a sustentabilidade? Ela se integra dentro de três fatores: o social, o ambiental e o econômico, o qual chamamos de tripé da sustentabilidade.

Em meio a tantos termos ecologicamente corretos que vemos, às vezes nos perdemos entre as suas aplicações e significados, e a sustentabilidade é um deles. Assim como nós, você já deve ter ouvido, lido, e até pode ter usado o termo sustentabilidade em algum momento, mais você sabe o que ele realmente significa?

 

A WWF define a sustentabilidade, ou melhor, o desenvolvimento sustentável, sendo aquele capaz de suprir as necessidades da geração atual, garantindo a capacidade de atender as necessidades da geração futura, sem esgotar os recursos do nosso planeta.

 

Sustentabilidade, pela sua etimologia, sua origem que vem lá do latim, se define de maneira literal como algo que se sustenta, se apoia e se conserva. Quando voltamos isso ao contexto ambiental, envolvendo todas as nossas necessidades diárias que são ligadas diretamente aos recursos que utilizamos de maneira esgotável do nosso planeta, entendemos que o desenvolvimento sustentável é algo que preserva, renova e conserva nossos recursos naturais, e unificando com a definição do parágrafo acima, é necessário se tornar sustentável hoje, com o objetivo de garantir um futuro melhor.

o nascimento de uma planta dentro de uma lampada
Foto : Singkham no Pexels

O tripé da sustentabilidade

Para a sustentabilidade, de fato ser sustentável, ela precisa se integrar em três fatores, que são chamados de tripé da sustentabilidade. Sendo eles social, ambiental e econômico.



Fator Social

 

Nesse ponto do tripé é abordado o fator da sociedade e suas condições de vida, até mesmo as mobilizações em prol de atividades ou resoluções de problemas voltados para a sociedade em que fazemos parte, sejam relacionados a lazer, violência, saúde entre outros.



Fator Ambiental

 

O fator ambiental está diretamente ligado aos recursos naturais que utilizamos, e a maneira que eles são utilizados. Portanto, dentro disso encontra-se o consumo consciente, maneira de descarte, o modo como as empresas lidam com os recursos que utilizam e quais ações, de maneira geral, praticamos para que esses recursos sejam repostos ao meio ambiente, para que sejam utilizados de forma responsável.

 

Fator Econômico

 

O fator econômico se define na organização financeira que temos. Sim, gastar além do que podemos, têm a ver com o desenvolvimento sustentável. Quando não possuímos uma vida financeira saudável, impactamos a sociedade em que vivemos e também as pessoas mais próximas, como nossos filhos. A falta do equilíbrio econômico em nossas vidas está ligado ao alto índice de consumo, pois na grande maioria das vezes optamos por comprar sem necessidade, o que acarreta um grande número de dívidas.

5 passos para começar a ser sustentável

A equipe Enni acredita que a sustentabilidade e o consumo consciente pode ser inserido na sua rotina, sem que para isso, você precise mudar de maneira drástica a sua vida, pois como o próprio nome diz sustentabilidade é algo que se sustenta e que podemos sustentá-la como modo de vida.

frase planet earth first dentrod eum coração com o planeta terra representando a importância da sustentabilidade
Foto: Lauris Rozentãls no Pexels

Portanto, citamos 5 pontos que acreditamos aplicáveis na nossa rotina inserindo um pouco da sustentabilidade:

 

1. Economize água e energia elétrica

 

A água e a energia elétrica são recursos que costumamos utilizar na nossa vida como se não fossem finitos, mas eles são e precisamos nos preocupar na maneira em que utilizamos esses recursos tão preciosos e que não vivemos sem. Afinal, quem nunca precisou ficar a luz de velas em casa, ou até mesmo com a luz do celular, e torcendo para que a energia volte logo, pois a bateria já está no fim.

 

Enfim, sem energia elétrica e sem água a vida se torna quase impossível de acontecer. Portanto, precisamos zelar por esses recursos, e de que maneira fazemos isso? Utilizando somente o necessário sem desperdício. Não deixe todas as luzes de casa ligadas, sem necessidade, nem eletroeletrônicos ou domésticos na tomada sem precisar.

 

Com a água, devemos evitar o desperdício da mesma maneira, não deixando a torneira aberta sem necessidade, diminuir os tempos de banho, e se for possível a reutilização da água da máquina de lavar, ou a coleta da água da chuva conseguimos fazer uma grande contribuição.

 

2. Utilize a tecnologia a seu favor

 

Muita coisa que antigamente era física, em forma de papel, através de cartas, faturas e afins, hoje temos a possibilidade de ter todas as mesmas informações digitais, portanto vamos utilizar a tecnologia ao nosso favor, diminuindo o número de papéis em circulação e o acúmulo deles em nossas casas, que depois de alguns anos vão para o lixo.

 

3. Consuma de maneira consciente

 

Nos textos O que é consumo consciente? e Como ser um consumidor consciente?  você encontra mais informações sobre esse assunto tão importante. Antes de consumir, pense primeiro na sua real necessidade daquele produto ou serviço. Consuma pensando em todo processo pelo qual o produto passa até chegar ao seu descarte, e de que maneira podemos substituí-lo para que seu impacto ao meio ambiente seja menor.

 

4. Descarte seus resíduos de maneira correta.

 

O descarte do que consumimos é extremamente relevante na nossa relação com o planeta. O descarte incorreto acarreta diversos problemas ao meio ambiente, e devemos tomar ações para que todos esses produtos que já possuem grandes impactos em seu processo e consumo, pelo menos em seu descarte não prejudiquem tanto com sua decomposição. Procure na região em que você mora quais meios que a coleta seletiva pode ser feita, separe corretamente seus resíduos e seja adepto da reciclagem.

 

5. Faça seu planejamento financeiro

 

Conforme citado no conceito do tripé da sustentabilidade, o fator econômico também tem impactos no desenvolvimento sustentável. Se planejar financeiramente diminui a possibilidade de um desequilíbrio financeiro, o que pode acarretar um acúmulo de dívidas, desestabilizando o desenvolvimento da família em si.

uma plantinha segura por duas mãos entendendo o que é sustentabilidade
Foto: Buenosia Carol no Pexels

Conclusão

Portanto, a sustentabilidade consiste no cuidado que temos com tudo que atende a geração atual, e que se sustente para que possa atender também às gerações futuras, sem comprometer a capacidade de suprirem suas próprias necessidades.

 

A transformação se dá com os primeiros passos, acima citamos algumas ações que auxiliem a nossa tomada de decisão para essa mudança extremamente necessária.

 

A sustentabilidade traz impactos a longos prazos, pois o intuito desses novos hábitos significa pensarmos no planeta todo. É agir, entendendo que essas novas ações vão refletir pras nossas próximas gerações.

Conheça o nosso blog e fique por dentro conteúdos exclusivos da Loja Enni.

4 Motivos para escolher o Brechó!

Você sabia que o brechó é uma forma de colocar suas roupinhas pra circular por aí? Separamos 4 motivos para você entender por que vender ou comprar em brechó é uma ação sustentável.

Leia Mais »
cacho de bananas dentro da ecobag

Você precisa de uma Ecobag!

Tem certeza que ainda vale a pena utilizar e aceitar sacolinhas plásticas na hora das suas compras? Veja a importância de utilizar sacolas reutilizáveis de tecido: as ecobags !

Leia Mais »