Como aplicar a compostagem em casa?

pessoas realizando a compostagem na terra

A compostagem é uma alternativa a todos os resíduos orgânicos que geramos ao planeta, e pode ser feita dentro da nossa casa.

Para entendermos o que significa a compostagem, precisamos primeiro falar um pouco sobre resíduos. No lixo que produzimos durante nossos dias encontram-se os resíduos inorgânicos e os resíduos orgânicos.

 

Os resíduos inorgânicos são todos aqueles produzidos pelo homem, que não possuem compostos biológicos, portanto tem grandes impactos ao meio ambiente no seu processo de decomposição, como o plástico, o vidro, o alumínio e outros produtos, que estamos acostumados a utilizar na nossa rotina.

lixo já prensado reciclagem aplicativo cataki
Foto: Alex Fu no Pexels

Os resíduos orgânicos são todos os resíduos com origem animal ou vegetal, como resto de alimentos, carnes, ossos, entre outros, que se decompõe de maneira natural em meio a natureza, podendo ser reutilizado como adubo, e dessa maneira fazendo parte da compostagem.

cenouras em um pote exemplo de resíduos orgânicos que fazem parte da compostagem
Foto: Eva Elijas no Pexels

Quais são os impactos dos resíduos orgânicos ao planeta?

Se os resíduos orgânicos são de origem biológica, e se decompõe na natureza, qual a necessidade de buscarmos alternativas para essa decomposição?

 

Em matéria publicada no site da Cetesb (Companhia Ambiental do Estado de São Paulo), explica-se que durante o processo de decomposição de todo lixo orgânico é emitido gás metano, o gás responsável pelo efeito estufa, portanto os impactos da sua decomposição incorreta afetam diretamente o meio ambiente, contribuindo para o efeito estufa.

 

Outro fator relevante é o chorume, que nada mais é do que aquele líquido escuro que vemos escorrendo dos sacos de lixo, decorrente do acúmulo dos materiais orgânicos, que podem causar graves contaminações.

 

Mesmo que o tempo de decomposição dos resíduos orgânicos sejam menores que os resíduos inorgânicos, eles também geram grandes impactos ao planeta.

Fazendo a minha parte com a compostagem!

A nossa contribuição ao planeta é muito importante, mesmo com pequenas atitudes , a reflexão e as pequenas ações também mudam e transformam o mundo.

 

A reflexão é um primeiro passo para entendermos e nos conscientizarmos. Vale a pena pensarmos nos resíduos orgânicos que geramos diariamente, e de que maneira podemos reutiliza-los, diminuindo seu descarte a céu aberto. É nesse momento, em que a compostagem aparece.

Composto é um material orgânico que pode ser adicionado ao solo para ajudarem as plantas a crescerem, portanto, o processo de compostagem consiste na separação de resíduos orgânicos que são reutilizados como adubo para outras plantas, e ela pode ser realizada de maneira doméstica, ou até mesmo em usinas de compostagem.

 

É importante sabermos que a compostagem não é somente colocar os resíduos na terra, seja em cima, ou dentro dela, pois isso faz com que os restos de alimentos apodreçam, liberando o gás prejudicial ao meio ambiente, ao invés de voltarem a ser nutrientes.

 

Compostar nossos resíduos orgânicos fazem parte de um processo, que você pode aprender logo aqui embaixo.

Compostagem doméstica

minhocas na terra sendo seguradas fazem parte do processo de compostagem
Foto: Sippakorn Yamkasikorn por Pexels

A compostagem é um processo que pode ser realizado dentro da nossa própria casa. Existem as caixas adequadas que se chamam composteiras, onde você já compra os recipientes prontos, no tamanho desejado e que são adequados para isso, ou você pode ajudar o meio ambiente de outra forma, reutilizando potes de sorvete, baldes de plásticos, e materiais próximos para montar o seu local de compostagem, tendo o mesmo resultado.

 

Abaixo listamos os materiais necessários para você realizar a compostagem:

 

  1. Composteira no tamanho escolhido, ou o recipiente escolhido por você, lembrando que ela precisa de 3 andares para o processo ser realizado com sucesso.
  2. Terra Preta
  3. Restos de alimentos orgânicos domésticos
  4. Folhas secas
  5. E é recomendado o uso de minhocas californianas, que aceleram esse processo da transformação dos resíduos orgânicos em nutrientes, porém o processo pode ser realizado sem.

Mais, todos os resíduos orgânicos podem ser utilizados no processo de compostagem?

 

Uma informação muito importante sobre os resíduos orgânicos é que nem todos podem ser utilizados no processo de compostagem. Abaixo vamos te mostrar a separação adequado dos resíduos que podem ser utilizados a vontade, os que podemos utilizar com cautela e os que realmente não podem ser incluídos nesse processo:

 

  • Usar a vontade:

 

frutas

 

verduras

 

legumes

 

grãos e sementes

 

saquinhos de chá e erva de

 

chimarrão

 

borra e filtro de café

 

casca de ovo

 

  • Usar com cautela

 

frutas cítricas

 

alimentos cozidos

 

lacticínios

 

flores e ervas medicinais ou aromáticas

 

guardanapos e papel toalha

 

  • Não utilizar

 

carnes

 

limão

 

temperos

 

líquidos

 

óleos e gorduras

 

fezes de animais e domésticos

 

papéis

Com os materiais acima ok, a separação dos resíduos ok se inicia o processo de compostagem, conforme explicado no vídeo abaixo:

A compostagem exige um pouquinho da nossa dedicação, porém é uma ação importante para contribuirmos de maneira mais ampla com a redução dos nossos resíduos e a transformação dos orgânicos em nutrientes. Podemos incluir a compostagem dentro da economia circular , onde retornamos ao meio ambiente aquilo que tiramos dele mesmo, transformando o consumo em um ciclo que não gera resíduos.

Iniciativas que motivam

Se você está aqui no estado de São Paulo, como nós, vale saber sobre algumas iniciativas motivadoras desse gerenciamento de resíduos, como os pátios de compostagem, que funcionam desde 2015, e hoje somam 4 pátios que realizam a coleta dos resíduos orgânicos das feiras livres e mercados do estado.

 

O projeto Composta São Paulo, idealizado pela Morada da Floresta e fazendo parte do SP RECICLA, realizado no ano de 2014, incentivou a compostagem doméstica, através de um processo de inscrição para oficinas de capacitação, fazendo com que a população consiga fazer parte desse processo de mudança. 

Conclusão

A compostagem é uma maneira inteligente de transformar nossos resíduos orgânicos novamente em nutrientes, nos trazendo o benefício de reaproveitá-los como adubos nas nossas plantas, e beneficiando o planeta, com a diminuição dos impactos causados pelos resíduos orgânicos.

 

Dessa maneira, conseguimos enxergar também a necessidade de fazer algo pelos resíduos orgânicos, a compostagem é mais um passo para a consciência do descarte. Clique aqui, se você gostou da ideia e quer começar a fazer a compostagem, aí na sua casa.

 

No nosso texto, Qual a importância da reciclagem?, conseguimos ler mais sobre a importância de separar corretamente nossos resíduos, nos ajudando a entender de que maneira podemos começar essa transformação.

Conheça o nosso blog e fique por dentro conteúdos exclusivos da Loja Enni.

4 Motivos para escolher o Brechó!

Você sabia que o brechó é uma forma de colocar suas roupinhas pra circular por aí? Separamos 4 motivos para você entender por que vender ou comprar em brechó é uma ação sustentável.

Leia Mais »
cacho de bananas dentro da ecobag

Você precisa de uma Ecobag!

Tem certeza que ainda vale a pena utilizar e aceitar sacolinhas plásticas na hora das suas compras? Veja a importância de utilizar sacolas reutilizáveis de tecido: as ecobags !

Leia Mais »