4 Motivos para escolher o Brechó!

Você sabia que o brechó é uma forma de colocar suas roupinhas pra circular por aí? Separamos 4 motivos para você entender por que vender ou comprar em brechó é uma ação sustentável.

O estigma de roupas velhas, com cheirinho de naftalina ainda é a maneira que você enxerga os brechós? Estamos aqui justamente para desmistificar esse estereótipo. Que tal colocar suas roupas para circular e contribuir com o Planeta?

Não vou mentir, sempre achei que roupas de brechó eram coisas muito antigas, ultrapassadas ou de pessoas que já se partiram dessa pra outra melhor, rs. Mas não é bem assim que esse modelo de negócios funciona, principalmente hoje.

 

A ideia do brechó ou casa de objetos de segunda mão surgiu na Europa, em 1990, onde aconteciam muitas feiras ao ar livre para venda e compra de qualquer tipo de produto. Você já deve ter ouvido falar inclusive no termo mercado de pulgas, né? Essas feiras levaram esse nome pois na época a higiene não era o forte da sociedade europeia.

 

Aqui no Brasil, o termo brechó surgiu primeiro no Rio de Janeiro, por meio da primeira loja de objetos e antigos de um senhor chamado Belchior.

 

A popularização do seu modelo de loja fez com que toda loja voltada para esse tipo de produto ficasse conhecida como “Casa de Belchior”. Mas o que Belchior tem a ver com Brechó? 

 

Algumas letrinhas fora do lugar,rs. A dificuldade de pronúncia na época fez com que Casa de Belchior chegasse ao tão famoso brechó.

menino sentado no dentro de um brechó
Foto : Cottonbro no Pexels

4 Motivos para comprar em Brechó

Seja brechó, casa de artigos de segunda mão ou até mesmo o mercado de pulgas, um dos pontos mais relevantes desse modelo de negócios é o incentivo a circularidade de produtos, sejam roupas, artigos de decoração, mudem a rota que era pra ser do descarte para a venda e utilização de outros donos.

 

E pra te convencer a dar uma chance pra eles, rs separamos quatro motivos relevantes para você comprar ou vender suas próximas peças nos brechós:

 

1 – Estimula a economia circular 

 

O primeiro grande motivo é o estímulo da economia circular, ou melhor, quando pegamos qualquer artigo da nossa casa e levamos para um brechó estamos fazendo com que esses produtos saiam do ciclo linear que estamos acostumados a viver, evitando que eles cheguem ao descarte (muitas vezes incorreto). 

 

Por aqui temos um texto que explica profundamente sobre como a economia circular funciona, rs…mas rapidamente significa que seu produto está entrando em um ciclo onde virar lixo não é uma opção.

 

2 – Começa a praticar o consumo consciente 

 

Consumir de maneira consciente é pensar também no uso, no ciclo de vida do seu produto e principalmente no descarte. E quando o assunto é roupas, nada melhor do que pensar na sua utilização, optar por peças atemporais, cuidar de maneira correta com o objetivo de prolongar seu ciclo de vida e principalmente no descarte. 

 

E quando chegamos nessa última fase que o brechó se faz presente e extremamente relevante, ao invés de simplesmente descartar as roupas que não queremos mais, escolha entre a doação ou a venda nos brechós.

 

Outra prática consciente é optar por brechós quando a necessidade de comprar novas roupas surge. Que tal manter produtos de outros guarda-roupas também circulando por aí? 

 

3 – Muda seus hábitos mais comuns de compra

 

Quantas vezes você foi comprar aquela blusinha que encheu seus olhos, e não achou? E acabou voltando com algo bem próximo, ou até com pequenas semelhanças só pra suprir aquele desejo inicial da compra? 

 

Talvez muitas né? O brechó te proporciona muitas vezes encontrar peças que as lojas de varejo, os magazines já não tem mais em coleção. Afinal não encontramos peças atuais, mas podemos encontrar peças atemporais ou exatamente o que procuramos. 

 

3 – Deixa sua vida financeira mais sustentável

 

Sabemos que uma roupa nova em loja tem um preço, e a roupa seminova do brechó possui outro, e mais barato, rs. Quando compramos nossas roupas nos brechós estamos inclusive diminuindo nossos custos com vestuário.A sustentabilidade possui um caminho gigantesco, que engloba diversos aspectos, inclusive o financeiro. Que tal fazer essa economia na sua vida?

vintage club brechó
Foto : Kei Scampa no Pexels

Conheça esses brechós!

Você precisa pelo menos tentar! Pra te ajudar separamos 4 brechós que você precisa conhecer e mudar esse cenário construído na sua cabeça, seja físico ou online. Dá uma olhadinha aqui embaixo:

 

 

Bem conhecido pelos internautas de plantão, o enjoei é um brechó online incrível ! Inclusive pela sua comunicação extremamente divertida! Lá você pode vender suas peças, é simples: tire fotos boas e cadastre seu produto por lá, definindo preço se vai ter frete grátis ou não e deixa rolando a divulgação. Assim que alguém amar seu produto, pode acontecer uma negociação para que a venda aconteça, e depois da compra concluída, você mesmo encaminha pro cliente, e pronto venda feita !

 

Além de várias lojinhas incríveis de influencers, artistas, youtubers… é um universo de roupinhas circulando pela web. 

 

 

Quando você entrar no link acima , vai ficar encantada com tanta personalidade em um brechó. Acredite, nós ficamos. Você pode comprar online, ou aproveitar e dar uma passadinha na loja física deles, que está localizada na Rua Basílio da Gama, 29, aqui no estado de SP, próximo a estação de metrô República.  

 

 

Outro brechó online que vale muito a pena conferir, é o Repassa. Diferente do enjoei, você compra uma sacola, denominada sacola do bem, recebe ela em casa, coloca todas as suas roupas que serão vendidas, e manda pra eles. Chegando lá elas são avaliadas, e colocadas para venda no e-commerce deles. 

 

Você não se preocupa com a negociação, a embalagem, o envio, a divulgação… tudo isso fica por conta deles.

Além de poder encaminhar algumas peças para doação, e se for da sua escolha, o valor das suas vendas pode ser transferido a uma das causas apoiadas pelo Repassa.

 

 

Fugindo da nossa regionalidade, o Balaio de Gato é um brechó bem famoso de Curitiba. Ele é principalmente conhecido pelo seu custo benefício, e além de bons preços, eles atuam com bastante promoção. 

 

Trazem peças vintages, peças regionais e também algumas autorais, com o objetivo de fomentar a economia local. 

 

Se você não é de Curitiba, vale dar uma olhadinha na loja online também.

Conclusão

As possibilidades são infinitas! Não tem mais desculpa pra você achar que brechó é cringe, rs. O brechó se transformou num modelo de varejo mais do que necessário nos tempos que estamos vivendo ultimamente. O que se faz com tanta roupa descartada? 

 

O brechó vem como uma alternativa para que o alto consumo de vestuário seja inserido na economia circular, sendo uma alternativa para diminuir o alto impacto que a indústria da moda gera ao meio ambiente.

Conheça o nosso blog e fique por dentro conteúdos exclusivos da Loja Enni.

4 Motivos para escolher o Brechó!

Você sabia que o brechó é uma forma de colocar suas roupinhas pra circular por aí? Separamos 4 motivos para você entender por que vender ou comprar em brechó é uma ação sustentável.

Leia Mais »
cacho de bananas dentro da ecobag

Você precisa de uma Ecobag!

Tem certeza que ainda vale a pena utilizar e aceitar sacolinhas plásticas na hora das suas compras? Veja a importância de utilizar sacolas reutilizáveis de tecido: as ecobags !

Leia Mais »